Agência De Marketing

23 Apr 2019 12:08
Tags

Back to list of posts

<h1>2.Tr&ecirc;s Internet 2.0 E O Tema 2.3.Um Tag's</h1>

<p>] Pra designar uma segunda gera&ccedil;&atilde;o de comunidades e servi&ccedil;os, tendo como conceito a &quot;Internet sempre que plataforma&quot;, envolvendo wikis, aplicativos baseados em folksonomia, m&iacute;dias sociais, blogs e Tecnologia da Informa&ccedil;&atilde;o. A web 2.0 &eacute; alvo de discuss&atilde;o entre alguns entusiastas, tecn&oacute;filos e tecn&oacute;fobos. George Gilder, em teu livro Life after television, traz afirma&ccedil;&otilde;es acerca dos benef&iacute;cios da tecnologia, al&eacute;m de apostar que a televis&atilde;o n&atilde;o ir&aacute; sobreviver, uma vez que n&atilde;o h&aacute; espa&ccedil;o para competir com a Web. Segundo ele, a inform&aacute;tica da comunica&ccedil;&atilde;o tem um significado libertador para o sujeito, vivemos uma nova era, em que n&atilde;o haver&aacute; mais lugar para a tirania da intercomunica&ccedil;&atilde;o do alto pra baixo, uma &eacute;poca menos padronizada e mais democr&aacute;tica.</p>

socialmedianicons_1325021.jpg

<p>Pra ele, a revolu&ccedil;&atilde;o da microinform&aacute;tica liquidou com o defeito da inexist&ecirc;ncia de fato. Em contraponto, Andrew Keen, por interm&eacute;dio de teu livro Culto do amador fala da pergunta do jornalismo colaborativo, que &eacute; apto de prejudicar a atividade profissional do jornalista. 2.3 Internet 2.0 e o conte&uacute;do 2.3.1 Tag's, n&atilde;o taxonomia: o usu&aacute;rio organiza o pr&oacute;prio conte&uacute;do.</p>

<p>Qual o real poder das redes sociais nestas elei&ccedil;&otilde;es? Soninha: N&atilde;o h&aacute; d&uacute;vida que &eacute; mais de confirma&ccedil;&atilde;o pra si mesma. Eu acredito que vai pesar, no entanto n&atilde;o vai solucionar, j&aacute; que existe um vasto mundo intocado pelas redes sociais. &Eacute; o radialista l&aacute; da cidade do O Futuro Do Encontro Online N&atilde;o &eacute; Muito Atraente, Mas &eacute; Brutalmente Produtivo , o pastor evang&eacute;lico, o jornalzinho l&aacute; do interior. Esses caras ainda t&ecirc;m muita a&ccedil;&atilde;o, uma interven&ccedil;&atilde;o que n&atilde;o tenho d&uacute;vida ainda ser superior do que o que acontece, como por exemplo, no Twitter. M&iacute;dias sociais: Um Novo Nicho Pro Tr&aacute;fico De Imigrantes /p&gt;
</p>
<p>Branco: S&atilde;o o vasto diferencial dessas elei&ccedil;&otilde;es. At&eacute; as &uacute;ltimas elei&ccedil;&otilde;es, 2 vasto blocos desenvolviam a opini&atilde;o do eleitorado. Por um lado, os partidos pol&iacute;ticos e os candidatos de um a outro lado das campanhas, e por outro os meios de intercomunica&ccedil;&atilde;o de massa - r&aacute;dio Televis&atilde;o, jornal, revistas - pela cobertura jornal&iacute;stica.</p>

<ul>
<li>Dois Objetivos do estudo</li>
<li>Fa&ccedil;a postagens com teasers de lan&ccedil;amentos futuros</li>
<li>“2&ordm; Mundialito de desafios culin&aacute;rios (de ver&atilde;o!)”</li>
<li>Sites e marketing nas m&iacute;dias sociais</li>
<li>tr&ecirc;s - Sugest&otilde;es e Imagens</li>
</ul>

<p>Com a nova legisla&ccedil;&atilde;o, aprovada no ano passado, cada pessoa podes se mostrar publicamente usando os recursos da Internet. Jos&eacute; Serra: Sessenta Mais Poderosos Do Brasil s&oacute; os partidos podiam fazer isto de forma oficial durante a campanha por interm&eacute;dio de um website, site ou da comunidade oficial de cada candidato. Como tuas experi&ecirc;ncias passadas refletem sua vis&atilde;o de pol&iacute;tica?</p>

<p>E pelo motivo de preferiu trabalhar especialmente com a web? Aprenda A Fazer Boas Chamadas Pra Redes sociais : O epis&oacute;dio de voc&ecirc; ter que sair pela estrada e pedir voto, de forma especial pela campanha de vereador que &eacute; muito de estrada, ningu&eacute;m quer saber de vereador, eles querem saber quem vai solucionar o problema dele. E isso te apresenta uma vis&atilde;o cruel do que &eacute; campanha pol&iacute;tica, enquanto voc&ecirc; quer tratar de proposta, de futuro, as pessoas querem saber como voc&ecirc; vai socorrer elas.</p>

<p>Ter passado desse jeito faz com que a gente tenha uma vis&atilde;o at&eacute; c&eacute;tica da web. Branco: Como profissional de web, eu queria o desafio, essa experi&ecirc;ncia de ver de perto as principais figuras p&uacute;blicas do Brasil se jogando pela rede, criando seu Twitter, seu website e de certa maneira estar auxiliando e observando isso acontecer de perto. E na identidade politica com o governo do Lula e com a pr&oacute;pria candidata.</p>

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License